FanFictions Wonderland

Gostas de escrever e/ou ler FanFics? Então junta-te a nós e entra neste mundo de Kpop, Jmusic e fantasia ^-^
 
InícioInício  PortalPortal  GaleriaGaleria  BuscarBuscar  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe
 

 [2PM & SNSD] Sign

Ir em baixo 
AutorMensagem
Cho MinTae
Moderadora do Blog
Cho MinTae

Mensagens : 1128
Data de inscrição : 23/06/2010
Idade : 27
Localização : South Korea

[2PM & SNSD] Sign Empty
MensagemAssunto: [2PM & SNSD] Sign   [2PM & SNSD] Sign EmptySeg Nov 01, 2010 9:53 pm

[2PM & SNSD] Sign Blackdzv

Apresentação

1.

Primeira noite.

A morena dormia profundamente sem se aperceber que não estava sozinha no seu quarto. Alguém vigiava o seu sono, parado ao lado da cama.

Ela parecia tão serena. Linda como sempre. Os seus lábios rosados, o cabelo sedoso espalhado pela almofada, a respiração tranquila.
E, ao tirar-lhe o lençol de cima, ele pôde ver também as suas curvas perfeitas, a pele delicada.

A mão forte pousou sobre o ombro da rapariga que continuava a dormir e deslizou por todo o corpo, parando somente no pé. O calor que aquele corpo emanava. O perfume suave que lhe invadia as narinas.

Não via a hora de poder fazê-la sua. Tê-la novamente e completamente nos seus braços. Provar o seu sabor.

Aproximou-se novamente da face dela e contemplou-a por mais algum tempo. Afastou-lhe o cabelo do pescoço e aproximou os lábios. Ao tocar com eles na pele dela, sentiu-a arrepiar-se.

Yoona abriu os olhos. Sentiu alguém sobre si. Mas, por mais estranho que lhe parecesse, não temeu.

-Oppa? – Perguntou num sussurro.

- Schh… - Ele pediu-lhe silêncio enquanto deslizava os lábios pelo pescoço dela. Pousou-os delicadamente sobre os seus. A rapariga fechou os olhos.

- Yoona! – Uma voz estridente soou ao mesmo tempo que a porta se abriu e as luzes do quarto se acenderam.

A rapariga parada à entrada recuou um passo quando viu alguém sobre a amiga. Mas quando piscou novamente já não estava lá ninguém.

- Yoona? – Chamou novamente.

A morena abriu os olhos e encarou a outra.

- Yoona, quem é que estava aqui contigo?

- Aqui? Ninguém… eu estou sozinha e estava a dormir.

- Mas…

- Aish! – A mais nova olhou ao relógio. – São duas da manhã! Vai mas é dormir! – Disse irritada enquanto se cobria na totalidade com o lençol.
Encostado ao lado de fora do vidro da janela, um gato preto observava o que se passava no interior do quarto.

***

- Tia! Tia, acorde, por favor! – Uma menina de cerca de 10 anos, ajoelhada em cima da cama, abanava a velha tia com força.
A senhora acordou sobressaltada.

- O que foi meu amor? – Perguntou à rapariga. – Tiveste um pesadelo?

- Não! É a minha irmã… Ela está a fazer coisas estranhas! – A menina tinha um ar assustado.

- Mas que coisas? – A senhora alarmou-se.

- Venha ver! – A criança puxou a velha pela mão até ao quarto que partilhava com a irmã mais velha.

A rapariga de 18 anos contorcia-se sobre o colchão. As mãos percorriam freneticamente o corpo quase desnudo. Alguns gemidos escapavam dos lábios entreabertos.

- Seohyun! Mas o que é que estás a fazer? – A velha perguntou chocada.

A rapariga continuou como se não tivesse ouvido nada. Levou as mãos ao peito, apertando ambos os seios enquanto mordia o lábio inferior e arqueava as costas.

A velha correu até ela e tentou demovê-la, mas sem sucesso. Nada impedia a jovem de continuar a tocar-se.

Dois pequenos apitos do relógio da mesa de cabeceira anunciaram as 2 horas da madrugada.

Subitamente a rapariga parou o que estava a fazer e sossegou. Não se mexeu mais.

- Tia… - A criança choramingou. – A unnie está a assustar-me.

- Vem, meu amor… - A mulher disse, afastando-se da sobrinha mais velha. – Vem dormir comigo hoje.

Após saírem do quarto, a mulher trancou a porta à chave.

Segunda noite.

O som de três pancadas violentas na porta de madeira fez o casal acordar assustado. O homem olhou às horas. Eram precisamente 2 horas de uma madrugada fria de Outono.

Mais três pancadas violentas. A mulher estremeceu.

- Mas quem será que está à porta a esta hora? – O homem de meia idade perguntou-se.

- Será que é um ladrão? – A esposa agarrou com força o braço do marido.

- Não digas disparates mulher! Os ladrões batem à porta, por acaso? – O homem riu enquanto se levantava.

- Onde é que tu vais?

- Ver quem é. – Ele já se encontrava à porta do quarto.

- Não me deixes aqui sozinha. – A mulher levantou-se rapidamente, enfiou o robe e seguiu o marido.

Chegaram à porta. Já ninguém batia. Apenas se ouvia o som de algo ou alguém a arranhar a madeira.

- Quem está aí? – O homem perguntou.

- Deixem-me entrar! – Uma voz feminina do outro lado soou.

O coração da mulher disparou. Conhecia tão bem aquele timbre.

- Filhinha? – O homem perguntou enquanto destrancava a porta.

O casal ficou horrorizado quando, após a porta ser aberta, se depararam com a filha quase sem roupa, o cabelo despenteado, descalça, com as mãos feridas e as unhas sujas de sangue e lascas da maneira.

- Oh meu Deus Yoona! – A mulher gritou, tapando em seguida a boca, em choque.

- Mas o que foi que te aconteceu? – O homem correu para abraçar a rapariga. O seu corpo frágil estava gelado.

A rapariga murmurou qualquer coisa indecifrável e depois desmaiou.

***

Som de passos. Saltos altos a bater contra o soalho de madeira. Parecia que estava alguém a dançar.

A velha senhora olhou às horas. Os ponteiros marcavam quase as 2 horas da noite. A criança ao seu lado dormia profundamente descansada.

O ritmo dos passos aumentava. Parecia mesmo alguém a dançar. A mulher engoliu em seco e levantou-se, saindo do quarto.

Chegou ao corredor. O som parecia vir do quarto das sobrinhas onde, naquela noite, apenas Seohyun dormia.

Resolveu aproximar-se. A porta estava entreaberta e as luzes do quarto acesas. A velha senhora espreitou para o interior da divisão.

A bonita rapariga tinha um longo vestido vermelho sobre o corpo. Jóias valiosas enfeitavam-lhe as orelhas, o pescoço e os pulsos.

Movia-se delicada e graciosamente pelo quarto, embalada por uma melodia que apenas ela parecia ouvir.

- Seohyun… - A senhora manifestou-se. – Pára com isso por favor, estás a assustar-me! – Pediu já com lágrimas nos olhos.

A rapariga continuou a dançar como se não tivesse ouvido nada. E o mais estranho é que agia como se estivesse acompanhada por um par.

- Oh meu Deus! O que é que se passa com a minha menina?

Ao longe, as badaladas do sino da igreja soaram anunciando as duas horas da manhã.

Seohyun caiu no chão, desmaiada.

A velha entrou no quarto, ajoelhando-se ao lado da rapariga. Começou a chorar.

Terceira noite.

A estada estava deserta e escura. Apenas as luzes dos faróis do carro cinzento penetravam a escuridão.

O rapaz retirou a mão direita do volante e colocou-a sobre a perna da rapariga que ia ao seu lado. Ela sorriu.

Aproximou-se mais dele, esticando-se para conseguir chegar ao pescoço. Pousou os seus lábios na pele quente.

- Aish! Assim desconcentras-me! – Ele queixou-se, desfrutando da sensação.

Sunny afastou-se, sorrindo maliciosamente.

O rapaz não resistiu. Desviou a atenção da estada por momentos, ao mesmo tempo que acariciava a bochecha dela.

- Cuidado! – O grito da rapariga ecoou pelo carro e ele só teve tempo de colocar o pé no travão a fundo.

O carro deslizou mais alguns metros até parar rente a uma velha senhora que atravessava a estrada.

Com o coração aos pulos no peito, o jovem casal saiu do automóvel para prestar auxilio à senhora.

- A senhora está bem? – A rapariga perguntou ao chegar perto dela.

- Magoou-se?

- Oh meus filhos… - Ela começou com a voz fraca. – Vocês pregaram-me cá um susto! – Levou a mão ao peito.

- Desculpe. – O rapaz pediu. – Eu não a vi…

- Tudo bem meu jovem… Eu estou bem.

- O que é que a senhora faz a uma hora destas por aqui? – Sunny perguntou.

- Estava a voltar da casa da minha neta…

- Quer boleia para casa? – O rapaz de cabelos pretos ofereceu.

- Oh, mas vocês são muito simpáticos… E muito bem parecidos também. A menina é tão bonita!

- Obrigada… - A jovem sorriu meio envergonhada.

- Eu não quero boleia, obrigada. Mas quero outra coisa…

- No que pudermos ajudar…

- A menina… - A velha começou, desviando o olhar para a morena. – Pode ajudar-me ao dar-me a sua beleza e juventude novamente!

- C-como? – Os dois perguntaram ao mesmo tempo.

A velha esticou o braço e abriu a palma da mão na direcção de Wooyoung que foi imediatamente atirado contra o capô do carro. Aproximou-se da rapariga, paralisando-a. Arrancou-lhe a blusa. Com a sua unha comprida, arranhou a pele delicada, abrindo logo uma fenda de onde jorrou um líquido vermelho vivo.

Wooyoung assistiu à cena horrorizado. Mas por mais que quisesse socorrer a namorada, o seu corpo não lhe obedecia.

A velha enfiou a mão no peito da rapariga.

- É o teu coraçãozinho que me vai devolver a beleza e jovialidade!

Quando retirou a mão da caixa torácica trazia o órgão entre os dedos. Sorriu.

- SUNNY!!! – Wooyoung gritou o mais alto que conseguiu. As lágrimas corriam pela sua face delicada. Não podia acreditar no que os seus olhos viam.
A sua doce namorada caiu no chão, inanimada, enquanto a velha levava o coração à boca e o mordia.

Quando terminou a sua “refeição” algo de estanho começou a acontecer com velha. Uma nuvem de fumo surgiu à sua volta e quando se desvaneceu, uma bela jovem tomou o lugar da idosa.

- Ahh… - Ela suspirou. – Como é bom voltar a ter 20 anos. – Disse, começando a tactear o seu corpo.

Aproximou-se de Wooyoung.

- E tu… - Deslizou o dedo indicador pelo peito do rapaz. – Vais ajudar-me a sentir-me desejada novamente. E sei de uma pessoa que também vai adorar conhecer-te!

Ela estalou os dedos e o moreno perdeu a noção de tudo à sua volta.

***

- Aish! Mas que porcaria! – A rapariga reclamava enquanto andava apressadamente pelas ruas desertas e escuras àquela hora tardia. – Não percebo a implicância dos meus pais! Porque é que não pude ficar a dormir na casa da Hyomin? Se calhar acham melhor eu andar na rua de noite! – Bufou.

- Menina, sabe-me dizer onde fica a igreja? – Subitamente uma senhora encurvada perguntou-lhe.

- Ah! – Gritou com o susto. – Hum… no fundo daquela rua. – Apontou.

- Obrigada. Mas… o que é que uma menina faz sozinha na rua a uma hora destas? – A senhora perguntou.

- Vou para casa…

- Não tem medo de andar por aí a esta hora?

- Eu? Eu não tenho medo de nada! – A rapariga disse, fazendo um ar importante.

- Mas devia ter! – A senhora endireitou-se.

Num gesto rápido, empurrou a rapariga contra um muro e arrancou-lhe a blusa. A sua unha afiada traçou um trilho pelo peito, permitindo assim que a mão entrasse pela fenda.

Arrancou-lhe o coração que ainda batia quando a velha o levou à boca.

- Que este órgão vital me devolva a juventude e beleza!

Fumo começou a surgir à sua volta. 80 anos desapareceram do corpo da mulher, que se transformou numa bela rapariga de 20 anos novamente.

- Fanny? – Ouviu o seu nome ser chamado. Olhou para cima.

- Yuri? És tu?

- Eu mesma… em juventude e beleza. – Confirmou a de cabelos ondulados. – E tu Tiffany… estás um arraso! – Elogiou, piscando o olho à outra.

- Não há como eles nos rejeitarem desta vez!

- Estúpidos! Esta aliança só tem vantagens para ambos os lados! Se nós acasalarmos vão nascer as criaturas mais poderosas da face desta Terra!

- Eu estou confiante. Eles não vão resistir a estes corpos, à nossa sedução. – Tiffany ajeitou o cabelo sedoso.

- Falando nisso, olha o que eu arranjei para nos divertirmos esta noite. – A mais nova estalou os dedos e a imagem de Wooyoung, o jovem que tinha atacado há pouco surgiu. – Já o levei para o nosso ninho.

- Hum… - Tiffany mordeu o lábio inferior. – Não o façamos esperar então.

Num piscar, as duas desapareceram. Apenas o corpo da jovem sem coração ficou como recordação do que ali se passara.

(continua...)
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://chomintae.tumblr.com/
PonHyunMin
Administradora
PonHyunMin

Mensagens : 954
Data de inscrição : 22/06/2010
Idade : 26
Localização : Paradise ^-^

[2PM & SNSD] Sign Empty
MensagemAssunto: Re: [2PM & SNSD] Sign   [2PM & SNSD] Sign EmptySeg Nov 01, 2010 10:23 pm

OMO~!! *-*
Mais uma vez, eu acho que eu e a Kim escolhemos mesmo o conceito perfeito para o concurso! *loves*
Estou a adorar por completo!!
Fiquei mesmo entusiasmada com isto *-*
Que é que se passa com a Seo? Está possuída ou quê? O.o
E com a Yoona?? O que é certo é que isto deve estar tudo interligado...acontece sempre tudo à mesma hora aproximadamente... Cool
OMO, a Yuri matou a Sunny! E a Fanny matou a...a...alguém O.o *apanha* Elas são o quê? E que vão elas fazer ao Woo?! *worried*
LEAVE WOOYOUNG ALONE!! *chora*

Estou a gostar tanto disto! *-*
Quero mais *-*

_________________
[2PM & SNSD] Sign 12479165812009071820311
Out of all these people, I chose you.
Voltar ao Topo Ir em baixo
https://fanfic-wonderland.forumeiros.com
kim
Moderadora Gráfica
kim

Mensagens : 737
Data de inscrição : 05/07/2010
Idade : 26
Localização : Coimbra (devia ser seoul -.-)

[2PM & SNSD] Sign Empty
MensagemAssunto: Re: [2PM & SNSD] Sign   [2PM & SNSD] Sign EmptySeg Nov 01, 2010 11:37 pm

AI EU NAO PERCEBO NADA DISTO
ísto é arrepiante e assustador. Parem de matar as meninaaas suas velhas nojentas T-T
O que raio se passa com o seo e a yoona? :O
a yoona anda enrolada com um gato -.- e o seo esta possuida pelo demonio! oO
Eu sabia que nao devia por-me a ouvir musicas arrepiantes a ler isto xD
quero mais!

Citação :
LEAVE WOOYOUNG ALONE!! *chora*
ahah ri-me com isto ao lembrar-me do leave britney alone xD
não mexam no meu woo suas porcas! :O
tadinho, ele é tao fofo *-*
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://twitter.com/kimurapd
Nayomira
Pro Writer
Nayomira

Mensagens : 357
Data de inscrição : 06/09/2010
Idade : 29
Localização : Somewhere around..

[2PM & SNSD] Sign Empty
MensagemAssunto: Re: [2PM & SNSD] Sign   [2PM & SNSD] Sign EmptyTer Nov 02, 2010 9:46 am

li isto ontem...tenho qe comentar isto hoje! xDDD ta um maaaaximo! apesar de nao ser grabde fa de snsd tou a amar a fic!!!! scary scaryyyyy qero mais! =P
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://dbskportugal.forumeiros.com/portal.htm
Cho MinTae
Moderadora do Blog
Cho MinTae

Mensagens : 1128
Data de inscrição : 23/06/2010
Idade : 27
Localização : South Korea

[2PM & SNSD] Sign Empty
MensagemAssunto: Re: [2PM & SNSD] Sign   [2PM & SNSD] Sign EmptyTer Nov 02, 2010 10:23 pm

Ainda bem que vos agradou xD
Thanks *-*
Ai, tanta curiosidade Razz
Mais um ^^

2.

- Junsu! Hey! Kim Junsu!

O rapaz finalmente retirou os olhos do jornal e virou-se para trás, vendo o loiro correr na sua direcção.

- Não me ouviste chamar lá atrás? – Perguntou quando chegou perto do mais velho.

- Desculpa. Estava distraído a ler uma notícia…

- Alguma coisa interessante? – Perguntou sem grande interesse quando os dois recomeçaram a andar.

- Diz antes preocupante.

- Então?

- Ontem à noite duas raparigas foram atacadas na rua. Alguém lhes arrancou os corações.

- A sério? – O loiro parou de repente. – Que horror! Quem é que fez uma coisa dessas?

- Ninguém sabe…

- E quem foram as raparigas? – Continuou Nichkhun a perguntar.

- Aqui não diz.

Assim que os dois entraram no recinto do colégio uma rapariga bastante alta aproximou-se deles.

- Junsu oppa! Aconteceu alguma coisa à Seohyun? Ela não vem às aulas hoje também? – Perguntou.

- Não sei. Mas… ela não veio às aulas ontem?

- Não. – Sooyoung respondeu preocupada. – Pensei que o oppa soubesse já que…

- Nós discutimos. Eu não falo com ela há três dias.

- Oh… Então desculpa ter tocado no assunto. – Sooyoung afastou-se rapidamente.

- Que estranho… - O loiro comentou. – Será que está doente?

- Eu estou preocupado Khun. Aish! Eu gosto tanto dela…

- Podemos ir a casa dela quando as aulas terminarem…

- Vamos sim…

O som da campainha chamou todos os alunos à sala de aula. Duas horas depois “libertava-os” dos sermões de professores mal dispostos.

Junsu estava um pouco desconcentrado naquela manhã. Deixou cair o estojo, espalhando as canetas todas pelo chão da sala, o que fez com que fosse dos últimos a sair, juntamente com Nichkhun que o ficou a ajudar a apanhar o material.

Estavam a aproximar-se da porta quando os reflexos rápidos e os braços fortes do loiro impediram que a rapariga que caminhava à frente deles caísse no chão.

- Yoona! Estás bem? – Perguntou à rapariga morena, apoiada nos seus braços.

- Estou… obrigada. Foi só uma tontura.

- Tens a certeza? Estás pálida, pareces fraca… - Ele insistiu.

- Eu… acho que sim. Não sei. Não me tenho sentido muito bem nos últimos dias… - Acabou por desabafar.

- Vamos até ao bar comer alguma coisa… - Junsu propôs.

No caminho a rapariga admirou-se ao ver um rapaz moreno, sentado no chão com a cabeça entre os joelhos.

- Aquele ali não é o Junho?

- É. – Nichkhun confirmou. – Será que lhe aconteceu alguma coisa?

Os três caminharam rapidamente em direcção ao rapaz.

- Junho? Estás bem?

O rapaz levantou a cabeça. O rosto estava molhado pelas lágrimas que lhe caiam dos olhos.

- Vocês ainda não sabem? – Ele perguntou entre soluços.

- Sabemos o quê? – O loiro preocupou-se.

- A Sunny… tiraram o coração da Sunny! – Disse horrorizado. – E o Woo… ninguém sabe onde ele está!

Os três ficaram sem reacção.

- A Sunny… - Junho repetiu. – Tiraram o coração dela...

Junsu ajoelhou-se para abraçar o amigo.

- Eu não estou a gostar nada disto. – Nichkhun comentou. – Quem terá sido a outra vítima?

- A Seohyun! – Junsu quase gritou. – Eu tenho de ver a Seohyun agora! Será que há alguma hipótese de ter sido ela e…

- Calma oppa. – Yoona pousou a mão sobre o braço do rapaz. – Eu falei com ela hoje de manhã. Ela não veio porque se sentia sem energia e cansada… Mas está em casa, bem…

Junsu respirou de alívio.

- É estranho… - A rapariga continuou. – Eu também me tenho sentido tão cansada nestes dias… mesmo depois de acordar… Parece que estive a fazer alguma coisa a noite toda ou andou alguém a tirar-me a energia…

- Gosto cada vez menos disto… - O loiro disse novamente.

- Eu preciso ver a Seohyun agora!

- E o Woo? - Junho levantou-se finalmente do chão.

- Quando eu tiver a certeza que a Seohyun está bem, vamos à procura dele. – O mais velho respondeu. – Vens connosco?

- Vou.

- Vão andando. – Nichkhun manifestou-se. – Eu vou levar a Yoona a comer alguma coisa e já vos apanhamos.

- Não é preciso…

- É preciso sim. – Pegou na mão dela e começou a encaminhá-la para o lado do bar. – Até já.

Junsu colocou o braço por cima dos ombros do mais novo e dirigiram-se à saída.

~~

Sunyoung retomava a casa após ter deixado a sobrinha mais nova na escola. Chegando perto do portão, avistou dois jovens conhecidos.

Eles cumprimentaram-na educadamente ao chegar perto dela.

- Junsu! E tu és o Junho, não é? – Quis certificar-se.

- Sim. – Ele confirmou.

- Aconteceu alguma coisa à Seohyun? – O mais velho apressou-se a perguntar. – Ela não foi ao colégio hoje… nem ontem…

A velha senhora fechou a expressão.

- Eu estou muito preocupada com a minha Seo… algo não está bem…

- O que é que se passa? – Junsu sentiu o seu coração acelerar.

- Ela tem feito coisas… estranhas… nestas últimas noites. E quando acorda não se lembra de nada e sente-se cansada, sem energia para nada… - A mulher soluçou. – Eu não sei o que fazer…

Nichkhun e Yoona acabavam de chegar e ainda ouviram o desabafo da tia de Seohyun.

Yoona apertou a mão do loiro com força.

- É… exactamente o que tem acontecido comigo.

Todos se viraram para encarar a morena.

- Tem calma… Nós vamos descobrir o que anda a passar. – Nichkhun tentou tranquilizar a amiga.

- Será que podemos ver a Seohyun? – Junsu pediu.

- Claro que sim. Entrem. – A senhora convidou-os.

~~

Junsu sentia-se agoniado por não conseguir confortar a rapariga. Seohyun não parava de chorar desde que lhe tinham contado o que tinha acontecido a Sunny e Wooyoung.

- Eu tenho medo! – A maknae disse entre lágrimas. – E se quiserem fazer o mesmo a mim e á Yoona a seguir?

- Schh! Não digas isso! – Junsu pediu. – Eu não vou permitir isso nunca! Estou aqui para te proteger…

Seohyun abraçou o corpo de Junsu com mais força.

- Eu também não vou deixar que ninguém te faça mal. – Nichkhun sussurrou à outra morena.

- Obrigada oppa. – Yoona sorriu ao loiro. – Mas eu quero descobrir o que se passa comigo! Porque é que faço coisas estranhas durante a noite e não me lembro de nada. E me sinto fraca!

- Será que a tua tia se importa que a gente durma aqui? – Nichkhun perguntou à mais nova. – Assim podíamos vigiar-vos e descobrir o que vos faz agir assim.
- Acho que não há problema.

Nesse momento bateram à porta e a tia da maknae apareceu com uma bandeja de comida nas mãos.

- Preparei-vos um lanche meninos. Têm fome?

- Tia… posso pedir-lhe uma coisa? – Seohyun perguntou quando a mulher pousou a bandeja sobre a cama.

~~

O sol acabava de desaparecer no horizonte. Duas tampas de dois caixões começaram a abrir-se ao mesmo tempo.

- É hoje! – O mais velho anunciou enquanto se erguia.

- Já sinto o odor do sangue dela chamar por mim… Mal vejo a hora de provar aquele néctar delicioso. – O outro comentou, lambendo os lábios.

- Mais devagar senhores! – Uma voz feminina soou.

- Boa noite. Espero que tenham dormido bem... – Outra continuou.

Os dois vampiros viraram-se para encarar as duas feiticeiras, sentadas de perna cruzada sobre uma mesa de madeira.

- Querem mesmo desperdiçar esta bonita noite de lua cheia com duas humanas? – Tiffany perguntou, levantando-se.

- Não querem fazer algo mais interessante do que chupar o sangue insosso de duas rapariguinhas inocentes? – Yuri propôs.

- Yuri? És mesmo tu? Onde é que foste arranjar esse corpo?

- Que indelicado Taecyeon! Tem modos! – A bruxa franziu o nariz. – Gostas da minha nova aparência? – Deu uma volta em frente do rapaz.

- Uma coisa eu tenho de admitir… - Chansung começou, deslizando a mão sobre o rabo de Tiffany. – Vocês estão… apetitosas…

- Mas não vale a pena! – Taecyeon cortou-o. – Nós já temos outros planos.

- Oh… vá lá Taec… deixa de ser desmancha prazeres… eu sei que tu também queres. – Yuri pousou ambas as mãos sobre o tórax definido dele.
- Eu já te disse que não estou interessado na tua proposta Yuri! Eu não quero pôr mais uma aberração no mundo! – O vampiro afastou-se das mãos da rapariga.

- Não fales assim do nosso filho! Ele ia ser tão poderoso… imagina a combinação dos nossos poderes juntos num ser…

- Mas que porra! Eu não quero!

- Porque é que não podes ser mais como o Chansung? – Yuri bufou olhando Tiffany em cima da mesa já sobre o vampiro mais novo que estava sem camisa.

- Hwang Chansung! – Taecyeon gritou. – Acaba com a festa já!

- Aish, pára lá de ser chato… O que é que custa darmos uma oportunidade às meninas? – O maknae respondeu enquanto Tiffany distribuía leves beijos sobre o seu abdómen e ele apalpava as suas pernas.

- Eu disse NÃO! - Taecyeon ergueu a mão e as duas bruxas foram atiradas contra a parede.

- Tu gostas de ser mau, não gostas? – Yuri ripostou enquanto se recompunha.

- Desapareçam daqui! – Ordenou.

- Muito bem Ok Taecyeon! Eu queria fazer as coisas a bem, mas já que tu queres a mal, é a mal que vai ser! – Yuri levou ambas as mãos aos bolsos das calças pretas. De lá tirou duas correntes de prata.

Atirou-as ao pescoço dos vampiros que ficaram presos à parede. Prata era das coisas que mais os deixava indefesos.

- Quero ver-te reclamar agora Taec! – Yuri sorriu maliciosamente.

- Vamos buscar as humanas! – Tiffany encaminhou-se à janela.

- Não te atrevas a tocar-lhes! - Chansung ameaçou.

- Isso é o que vamos ver. – Tiffany piscou-lhe o olho e saiu, seguida de Yuri.

~~

Finalmente o rapaz conseguiu abrir os olhos, apesar do esforço. Não reconhecia aquele espaço.

Uma cama redonda, véus por todo o lado, velas, incensos…

- Onde é que eu estou? – Perguntou-se, coçando os olhos.

Ao olhar para baixo assustou-se com as marcas roxas que tinha no corpo… Arranhões… marcas de dentes e…

- Porque é que eu estou nu? Mas que merda…?

Levantou-se. As suas roupas estavam caídas no chão logo ali ao lado e Wooyoung apressou-se a vesti-las. Só depois analisou aquele espaço.

- Sunny-ah! – Gritou ao reconhecer a namorada em algumas fotografias expostas na parede junto de outras fotos de mais raparigas. – Hyoyeon… - Reconheceu outra das raparigas.

A força que tinha nas pernas faltou-lhe toda naquele momento. O coração batia-lhe tão depressa no peito que parecia querer saltar.

- Coração… - Murmurou, lembrando-se de tudo. – Sunny! Sunny-ah!!!! – Gritou enquanto as lágrimas lhe escorriam pela face.

Levantou-se. Olhou à volta.

- Eu tenho de sair daqui! – Começou a correr pelo corredor escuro e húmido. Viu aranhas, ratos, pequenos frascos com líquidos coloridos e brilhantes lá dentro, ervas e coisas que ele nem sabia o que eram e nem queria descobrir.

Chegou a umas escadas. Pareciam ser a única saída. Apressou-se a descê-las. Correu por um corredor tão estreito que mal conseguia caber.

Acabou por tropeçar e cair quando encontrou novas escadas que subiam. Avançou por elas até um alçapão que abriu com algum esforço.
Agora devia estar numa espécie de igreja. Viu dois caixões.

- Ajuda… - Uma voz fraca assustou-o.

Virou-se para trás e viu dois homens presos à parede com duas correntes que pareciam queimar a sua pele.
- Tira-nos daqui… por favor… - O mais alto dos dois pediu.

Wooyoung ficou relutante acerca do que deveria fazer.

- Aquelas duas… deixaram-nos aqui…

O rapaz de cabelos pretos levantou-se com dificuldade e aproximou-se dos dois. Pegou na corrente que prendia Chansung e retirou-a, fazendo o vampiro cair no chão. Fez o mesmo com o outro.

- Quem são vocês?

- Obrigado por nos libertares… - O mais baixo disse, levantando-se.

- Infelizmente não o devias ter feito. – O outro falou. – Desculpa, mas vamos ter de beber o teu sangue para recuperar energia para combater aquelas duas… malditas!

- Q-quê? – Wooyoung perguntou antes de sentir dois pares de dentes cravarem-se no seu pescoço.

(continua...)

_____________

Voltar ao Topo Ir em baixo
http://chomintae.tumblr.com/
kim
Moderadora Gráfica
kim

Mensagens : 737
Data de inscrição : 05/07/2010
Idade : 26
Localização : Coimbra (devia ser seoul -.-)

[2PM & SNSD] Sign Empty
MensagemAssunto: Re: [2PM & SNSD] Sign   [2PM & SNSD] Sign EmptyTer Nov 02, 2010 10:37 pm

fodasse, tinhas de tratar mal o Woo -.-
Opaaaa. isto esta muito fixe :O
Estou curiosa. Algo me diz que vao haver gritos esta noite xD O junsu e o nich vao conhecer o outro lado das donzelas xD E que raio é que se passa com elas?
Só suspense. Pára de me fazer sofrer e posta tudo de uma vez damn! xD
sinto-me como se estivesse a ver um filme interessante nos canais publicos e viesse aqueles reclames irritantes de 10 minutos na melhor parte u.u
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://twitter.com/kimurapd
PonHyunMin
Administradora
PonHyunMin

Mensagens : 954
Data de inscrição : 22/06/2010
Idade : 26
Localização : Paradise ^-^

[2PM & SNSD] Sign Empty
MensagemAssunto: Re: [2PM & SNSD] Sign   [2PM & SNSD] Sign EmptyTer Nov 02, 2010 11:09 pm

OMO I CAN'T FUCKING BELIEVE THIS!! CHANSUNG! YOU BAD MAKNAE u.ú
Eu sabia que ele era vampiro Cool E dos mal comportados u.ú

Citação :
- Uma coisa eu tenho de admitir… - Chansung começou, deslizando a mão sobre o rabo de Tiffany. – Vocês estão… apetitosas…

Que é isso?? Seu perv u.ú E eles mataram o Woo!! NOOO!!
Bad, bad maknae! Vai levar castigo! u.ú *vai buscar chicote*

Nhai, a Seo tem tanta sorte! *-* O Junsu é um querido para ela e preocupa-se imenso *-*
E o Khun também se preocupa muito com a Yoona *-* Eles cão dormir com elas para ver o que se passa e tudo, how cute *-*
Mas algo me diz que no fim isto vai tudo acabar por morrer... *apanha*

Que é que as bruxas vão fazer agora? I don't like them! u.ú

Estou mesmo a adorar isto, omo~ *-*

Continua Marta-chan *-*

_________________
[2PM & SNSD] Sign 12479165812009071820311
Out of all these people, I chose you.
Voltar ao Topo Ir em baixo
https://fanfic-wonderland.forumeiros.com
LaLa
FanFiction Maniac
LaLa

Mensagens : 551
Data de inscrição : 26/06/2010
Idade : 25

[2PM & SNSD] Sign Empty
MensagemAssunto: Re: [2PM & SNSD] Sign   [2PM & SNSD] Sign EmptySab Nov 06, 2010 4:24 pm

Ohhh yeee Marta isto está demais
Nehhh fiquei curiosa , afinal que a Yoona e a Seo ?!?!
Uhuhhuhu o Junsu e o Nichkhun são tão gentleman , devem querer festa devem Cool
O Nich foi dar papinha à Yoona foi ...
Velhas nojentas a comer coraçoes assim *ainda por cim anem os cosem xD*
E têm as fotografias delas
Lá se foi o Woo , foi fazer companhia à Sunny

Continua sim Marta ?^^
Voltar ao Topo Ir em baixo
Cho MinTae
Moderadora do Blog
Cho MinTae

Mensagens : 1128
Data de inscrição : 23/06/2010
Idade : 27
Localização : South Korea

[2PM & SNSD] Sign Empty
MensagemAssunto: Re: [2PM & SNSD] Sign   [2PM & SNSD] Sign EmptySab Nov 06, 2010 5:56 pm

OMONA!
Desculpem pelo atraso, mas eu não consegui escrever nada de jeito esta semana. E então que estas coisas acontecem logo quando é preciso cumprir prazos!
Só hoje é que, por milagre, lá me saiu qualquer coisa...
Sorry se isto ficou uma desgraça...
Aish! I'm so damn mad! Mad
Aqui fica mais um... daqui a pouco posto o último...
*corre para ir escrever mais*

3.

- Vocês têm a certeza que não querem dormir? – Junsu perguntou novamente às duas raparigas sentadas sobre a cama da mais nova.

- Temos! – Ela fizeram coro.

Junho suspirou.

- Nee, podes dormir Junho… nota-se que estás cansado e abalado. – Yoona estendeu o braço para fazer um carinho no ombro do moreno.

- E vocês também podem, se quiserem… se houver problema nós acordamo-los. – Seohyun completou.

- Deixa estar. – Nichkhun recusou, folheando um livro infantil da irmã da maknae.

Passaram algumas horas. Junho já dormia profundamente há algum tempo. Junsu e Nichkhun tinham-se encostado um ao outro e, após algum tempo a lutar contra o sono, tinham acabado por não resistir-lhe. Até já as raparigas começavam a sentir os olhos pesados. Yoona ponderou fechar os seus por alguns momentos. Que mal teria? Até Seohyun já tinha fechado os seus.

Uma sensação estranha tomou conta do seu corpo. Parecia estar a flutuar… não sentia a cama abaixo de si. Tinha de abrir os olhos rapidamente para não adormecer de vez.

- AHHHHHHHHHHHH!!!!

O grito da morena mais velha acordou os restantes de sobressalto.

- Cala-te estúpida! – A bochecha direita de Yoona ardeu quando a mão de Yuri lhe bateu.

- Yoona! Seohyun! – Nichkhun gritou ao ver as duas suspensas no ar e duas raparigas vestidas de preto empoleiradas na janela.

Junsu correu para tentar agarrar Seohyun mas esta foi levada para longe.

- Vocês não são tão bonitas assim… - Yuri comentou.

- Não sei o que aqueles dois viram em vocês… - Tiffany continuou.

- Quem são vocês? – Junsu gritou da janela às raparigas que já se encontravam suspensas do lado de fora da casa.

- Para o bem da tua saúde é melhor que não fiques a saber! – A de cabelos pretos respondeu-lhe e começaram a afastar-se.

- Temos de ir atrás delas! – O loiro entrou correu pelo quarto e apressou-se a descer as escadas que levavam à saída da casa. Junsu e Junho seguiam-no.

- E agora? – Junsu perguntou. – Por onde é que elas foram?

- Olhem ali! – Junho apontou para a esquerda. – Vamos por aqui! – Começou a correr mas foi logo contra algo.

- Aiiii! - Ouviu uma voz fina queixar-se.

- Sooyoung? O que é que estás aqui a fazer? – Junho perguntou, ajudando a rapariga a levantar-se. – Desculpa, magoei-te?

- Tudo bem. Eu vinha falar com a Seo… vocês não sabem o que eu descobri! – Disse entusiasmada.

- Levaram a Seo! – Junsu disse desesperado.

- Quê? Quem?

- Duas raparigas… bruxas… criaturas… sei lá o que era aquilo!

- E eu sei para onde! – Sooyoung anunciou.

- Sabes?

- Para a mansão abandonada atrás do cemitério. Era disso que eu vinha falar.

- Contas a tua história depois. Nós temos de ir atrás delas! – Junsu começou a correr com Khun no seu encalço.

- Entra para dentro de casa Sooyoung! – Junho ordenou. - É perigoso andares por aí sozinha a esta hora com tanta coisa estranha a acontecer!

- Nem penses! Eu vou com vocês!

- Deves estar louca!

- Impede-me Lee Junho!

O rapaz ficou calado por alguns momentos.

- Aconteça o que acontecer não largues a minha mão! – Junho apertou a mão de Sooyoung com a sua e começou a correr atrás dos outros dois.

~~

- Gatinho… - Yuri chamou animada. – Olha o que eu trouxe para te convencer a aceitares a minha proposta! Taec… Quê?! – A morena não podia acreditar que era verdade quando não viu os dois vampiros presos à parede. – Como é que eles escaparam?

- Wooyoung! – Tiffany gritou ao ver o rapaz inanimado no chão. Correu até ele. – Omona!!! Yuri eles mataram o Woo… - Queixou-se. – Eu gostava dele… Era tão fofo e aquela noite foi…

- Fanny acaba com a lamechice agora! Estás com pena do humano? – Perguntou irritada. – Esse bastardo deve tê-los soltado… Merda!

- Black Pearl tu não tens coração! – Tiffany acusou enquanto acariciava o cabelo de Wooyoung.

- Anda Tiffany, vamos levá-las para o nosso ninho antes que seja tarde! – Apontou para Yoona e Seohyun que continuavam a flutuar, desacordadas.

- Será que se eu lhe arranjar um novo coração ele volta à vida? – A mais velha perguntou-se.

- Raios Tiffany, agora!

- Não tão depressa Yuri… - Um sussurro grave soou perto do seu ouvido.

Taecyeon prendeu o corpo magro de Yuri entre os seus braços.

Tiffany virou-se e viu Chansung com as raparigas humanas nos braços.

- Vais trocar-me por elas? Que ultraje Chan! – Fingiu-se de magoada em tom de desafio.

- Até me provares o contrário, eu continuo a achar que elas são muito melhores do que tu…

- Chansung acaba com essa maldita de uma vez por todas! – O outro vampiro gritou enquanto se debatia com Yuri.

O mais novo pousou as duas humanas sobre a mesa e avançou sobre Tiffany, prensando-a contra a parede. Tomou-lhe os lábios com avidez. A bruxa enlaçou as pernas à volta da cintura do vampiro.

O som da porta a bater e gritos de horror interromperam os quatro.

- O que é isto?

- Yoona!

- Seohyun!

- Wooyoung?!

- Era só o que me faltava agora! – Yuri bufou sem paciência.

- Impressionante como estes humanos aparecem sempre no timing perfeito… - Chansung sussurrou contra o pescoço de Tiffany.

- Mais tarde? – Ela perguntou.

- Hum… Ou talvez… não! – Chansung deixou cair dois fósforos acessos dentro dos bolsos do casaco da rapariga, nos quais tinha depositado sal grosso antes.

Afastou-se e ficou a observar a bruxa ser consumida pelas chamas. A combinação sal e fogo era letal para criaturas como Tiffany.

- AHHHHHHHHHHHHHHHHH!!!!

Ela ardeu até ficarem apenas os ossos, que ao cair no chão se desfizeram em pó.

- Maldição! – Yuri gritou, escapando dos braços do vampiro mais velho.

- Woo! – Junho afligiu-se ao ver o melhor amigo inanimado no chão. Foi o primeiro a atrever-se a correr até ele.

- Isto é tudo culpa vossa! Intrometidos! – Yuri berrou enquanto se lançava sobre o moreno que já estava de joelhos ao lado de Wooyoung. Furiosa, acabou por agarrar o rapaz e atirá-lo contra a parede.

- Junho! – Sooyoung gritou ao vê-lo perder os sentidos quando a sua cabeça embateu violentamente no chão. – Junho fala comigo, por favor!

- Vocês não pensem que isto fica assim! – Yuri ameaçou. – Tu! – Apontou o dedo na direcção de Sooyoung. – Tu vens comigo!

A bruxa lançou-se sobre a rapariga, agarrando-a. Saiu rapidamente pela janela aberta.

- Sooyoung… não…! – Junho acabara de abrir os olhos e apenas viu Yuri sair com a rapariga nos braços.

- Mas que merda! Sooyoung! – Nichkhun correu à janela mas já não viu mais sinais das duas.

Enquanto isso, Taecyeon e Chansung voltavam a sua atenção no que, para eles, era mais importante do que qualquer ataque de Yuri: Yoona e Seohyun.

As duas raparigas acabavam agora de acordar. Estavam confusas com tudo aquilo. Quem eram aquelas pessoas estranhas? Onde estavam? Porque é que Junho estava no chão? E… Wooyoung também.

- Khun oppa! – Yoona gritou, desviando a atenção do loiro para si.

- Yoona! – Ele tentou aproximar-se dela, mas sentiu uma mão forte no ombro.

- Onde é que tu pensas que vais? – Ao virar-se, Khun viu Taecyeon diante de si.

- Mas o que raio são vocês? – Perguntou, afastando a mão do vampiro do seu ombro. – O que é que querem de nós?

- De vocês nada, distância apenas. – O mais alto sorriu. – Só queremos delas. – Apontou para a mesa onde as duas ainda estavam sentadas.

- Hey! – Junsu gritou, vendo Chansung aproximar-se novamente de Seohyun. – Nem te atrevas a tocar-lhe!

Seohyun recuou quando o vampiro esticou o braço para lhe tocar.

- Tu… tens medo de mim? – Perguntou-lhe.

- Por favor… - Ela disse trémula. – Não me faça mal!

- Fazer-te mal? – Chansung pousou delicadamente, ajoelhando-se à frente dela. – Eu não te quero fazer mal… apenas quero que voltes para mim…

- V-oltar? – Ela não estava a compreender nada do que ele dizia.

- Sim. Tu não te lembras… mas és a minha prometida. Há mais de três séculos que eu espero para te ter novamente nos meus braços.

- Não pode ser… eu não-

- Schh… Seohyun-ah, não te lembras de mim? – Chansung tocou com a mão na face delicada da rapariga.

Ao sentir aquele toque frio, Seohyun sentiu um arrepio percorrer toda a extensão do seu corpo. Na sua mente, algumas memórias fragmentadas surgiram.

Seo Joohyun e Hwang Chansung. Prometidos. Noivos. Juntos. Até um dia. Separados.

- Chan-

A maknae foi interrompida por Junsu, que de repente empurrou o vampiro para longe dela.

- Seohyun! Seohyun! Estás bem? – Perguntou preocupado.

- Prometidos… - Ela repetiu.

- Aish! Seohyun, não acredites no que ele diz! Deve estar a hipnotizar-te… aish! – O moreno abanou a rapariga, mas logo foi atirado para longe.

- Seohyun! – Junsu gritou.

Ao mesmo tempo, Yoona avançava já na direcção de Taecyeon, completamente encantada pelos olhos escuros penetrantes.

Nichkhun colocou-se na frente dela.

- Yoona! O que se passa?

- Por favor, sai da minha frente. – Os olhos da morena olhavam apenas na direcção do vampiro moreno.

- Yoona! Acorda!

A rapariga contornou o loiro e continuou a andar em frente.

- Vem, Yoona…

- Oppa. – Disse quando chegou perto dele. – Finalmente estamos juntos novamente.

- Consegues lembrar-te de tudo?

- Sim. O oppa contou-me quando me foi visitar no quarto…

- É de tua livre vontade ficar comigo Yoona? - O vampiro pegou nas mãos da morena. Esperava ouvir um “sim”. Era tudo tão mais fácil se ela colaborasse desde o início.

De longe, ainda no chão, Nichkhun assistia à cena. Não podia deixar que aquela criatura levasse a rapariga.

Levantou-se e correu até eles. Afastou Yoona novamente. Olhou-a nos olhos.

- Yoona, por favor! Não acredites nisto! Eu não vou deixar que ele te leve! Eu prometo! Nem que disso dependa a minha vida!

- Escusado será dizer que ela não vai demorar muito… - Foi a última coisa que o loiro ouviu antes de sentir um golpe na cabeça e cair no chão, perdendo os sentidos.

Enquanto se tentava levantar, Junsu pensava nalguma maneira de afastar Chansung de Seohyun. Tentou lembrar-se das histórias que ouvira sobre vampiros. Como matá-los.

Olhou à volta, analisando a sala. Tinha esperanças que encontrar ali qualquer coisa.

Os seus olhos foram de encontro a uma pedaço de madeira, afiado na ponta. Servia perfeitamente como estaca. Se isso não resultasse, poderia usar uma barra de metal pontuda igual àquelas que compunham as grades do cemitério.

Pegou no pau de madeira. Foi-se aproximando devagar.

Chansung estava demasiado próximo de Seohyun. Pegava nas mãos dela. Olhava-a nos olhos. Cada vez se aproximava mais da face delicada da morena.
Junsu deu um último passo.

- Afasta-te da Seo! – Gritou enquanto cravava o pedaço de madeira nas costas.

Chansung gritou, enquanto se afastava da maknae.

Junsu sentiu uma sensação de alívio percorrer todo o seu corpo.

- Humano estúpido! – O grito de dor transformou-se numa gargalhada. Junsu virou-se para encarar o vampiro mais novo, que o olhava com cada de satisfação. Tinha a estaca na mão e não parecia nada afectado. – É com isto que tencionas matar-me? Vais ter de fazer bem melhor…

Num piscar de olhos, o vampiro avançou sobre Junsu. Os seus caninos pontudos furaram a pele do moreno, que logo depois foi atirado para o chão.
- Vamos lá despachar isto Seo… - O vampiro voltou a aproximar-se da rapariga.

- Para quê a pressa? – Ela perguntou. – Temos toda uma eternidade…

- Mas eu não vejo a hora… de te fazer minha outra vez. – Chansung colou os seus lábios nos dela. Foi descendo até ao seu pescoço.
O sangue pulsante da artéria carótida estava a deixá-lo fora de si. Mas não se podia deixar levar, não podia correr o risco de se entusiasmar com aquele sangue.

(continua...)
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://chomintae.tumblr.com/
kim
Moderadora Gráfica
kim

Mensagens : 737
Data de inscrição : 05/07/2010
Idade : 26
Localização : Coimbra (devia ser seoul -.-)

[2PM & SNSD] Sign Empty
MensagemAssunto: Re: [2PM & SNSD] Sign   [2PM & SNSD] Sign EmptySab Nov 06, 2010 6:08 pm

pára de matar as pessoas! Surprised
isto é horrivel T-T
tadinhos dos meus bebes todos. E elas sao mesmo... ai hipnotizadas xD
Tambem... com uns vampiros daqueles... damn Cool
Ai isto nao vai ter um final feliz... T--T
COntinuaa!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://twitter.com/kimurapd
LaLa
FanFiction Maniac
LaLa

Mensagens : 551
Data de inscrição : 26/06/2010
Idade : 25

[2PM & SNSD] Sign Empty
MensagemAssunto: Re: [2PM & SNSD] Sign   [2PM & SNSD] Sign EmptySab Nov 06, 2010 8:18 pm

Ohohohoho brutal
Xiii com filha da porca a Tiffany ardeu
Tadinho dos meus gentlemen , a tentarem defender as cachopas e elas dão-lhes com os pés e ainda levam por cima
E esqueceram-se todos da Sooyoung e agora ?!?!?

Continua sim ^^
Voltar ao Topo Ir em baixo
Cho MinTae
Moderadora do Blog
Cho MinTae

Mensagens : 1128
Data de inscrição : 23/06/2010
Idade : 27
Localização : South Korea

[2PM & SNSD] Sign Empty
MensagemAssunto: Re: [2PM & SNSD] Sign   [2PM & SNSD] Sign EmptySab Nov 06, 2010 10:42 pm

Finalmente consegui acabar isto!
Não ficou bem como o pretendido, mas esta semana foi para esquecer em termos de escrita e isto saiu assim à pressão...

4.

- Diz-me Yoona, tu aceitas ser minha? – Taecyeon voltou a perguntar à rapariga.

- Eu… - Ela começou, mas foi interrompida pelos lábios de Nichkhun que de repente pressionaram os seus.

O loiro tinha esperanças que, em última hipótese, aquilo pudesse resultar para captar a atenção dela novamente.

- Yoona, por favor… - Voltou a insistir.

Yoona conseguiu sentir o sabor salgado das lágrimas que escorriam pela face dele.

- Saranghae… - Foi a última coisa que conseguiu dizer antes de Taecyeon voltar e o levantar sobre a sua cabeça.

- Como ousas? – A raiva adornava a sua voz forte.

- Khun oppa… - Yoona sussurrou, enquanto se sentia a “acordar para a realidade” novamente. – Não lhe faça mal, por favor. – Pediu ao vampiro.

Taecyeon engoliu em seco.

- Esquece-o Yoona! – Atirou o rapaz contra a janela.

Os vidros partiram com o impacto do corpo de Nichkhun e ele foi aterrar entre os cacos, entre algumas campas. O chão à sua volta começou a assumir uma tonalidade avermelhada.

- NÃO! – Ela gritou horrorizada enquanto se levantava e corria à janela.

Taecyeon agarrou-a.

- Não! Largue-me!

- Fica quieta, eu não te quero magoar! – O vampiro ordenou, já zangado.

~~

Junsu finalmente conseguiu abrir os olhos. Todo o seu corpo latejava de dor, mas ver os dentes do vampiro perto do pescoço da rapariga deu-lhe a força necessária para se levantar.

Agarrou a barra de metal. Era mais leve do que esperava. Não podia ser feita de ferro, de certeza. Tinha de ser outro metal. Parecia prata.
Tinha de ser prata.

Preparou-se para correr na direcção dos dois, mas acabou por tropeçar no corpo de Wooyoung.

- Não te preocupes com a dor, minha querida… Vai passar. E depois tudo vai ser melhor. – Chansung sussurrou antes de romper a pele delicada.
Seohyun contorceu-se.

- Eu vou acabar com quem te fez isto Woo… eu prometo! – Junsu disse antes de se levantar e continuar a correr na direcção do vampiro.

O que aconteceu a seguir foi muito estranho. A prata cravada nas costas do vampiro começou a queimá-lo. Junsu voltou a ser atirado para longe e Seohyun caiu inanimada em cima da mesa.

~~

Yuri prendeu Sooyoung numa pequena jaula e começou a abrir todos dos armários da espécie de sala. Parecia procurar alguma coisa.

Desapareceu para outra sala e voltou minutos depois com um livro enorme. Pousou-o na mesa e abriu-o começando a ler qualquer coisa numa língua estranha.
Foi buscar alguns frascos com líquidos brilhantes e começou a misturá-los.

- Só preciso de um coração humano… onde é que vou arranjar isso agora? – Yuri perguntou-se. – Ora onde é que vou arranjar… o Taec tem uma amiguinha perfeita! – Riu.

Aproximou-se de Sooyoung.

- Bebe isto…

- Nem penses! – Ela recusou.

- Bebes a bem ou a mal! – Yuri disse já sem paciência.

Sooyoung engoliu em seco.

Yuri abriu a jaula. Puxou a rapariga com força, agarrando-a pelo pescoço. Fê-la abrir a boca e entornou-lhe a poção lá para dentro.

Sooyoung perdeu automaticamente as forças. Sentiu-se estranha com o seu próprio corpo.

- Agora… vamos lá arranjar um coração para ti! – Yuri ajudou a retirar a rapariga da jaula. – Sentes-te melhor?

O olhar da rapariga já não era o mesmo. Os olhos brilhantes tornavam-se agora baços e sombrios.

- Sinto-me muito melhor mestra.

- Óptimo.

Yuri agarrou na rapariga e voltou a sair.

~~

- Chansung! – Taecyeon gritou ao mesmo tempo em que largava Yoona e corria na direcção do vampiro mais novo.

Viu-o desfazer-se mesmo à sua frente.

- Como é que tu ousas matar um vampiro? – Virou-se para Junho. Os olhos pretos assumiam agora uma tonalidade de vermelho vivo.

Quando se preparava para atacar o rapaz, o grito de Yoona chamou a sua atenção.

Virou-se para trás e viu Sooyoung com a rapariga nos braços. Yuri ao seu lado.

- Merda! – O seu punho bateu com força contra parede.

~~

- Seohyun! Acorda por favor. – O rapaz abanava a maknae.

Viu as marcas de dentes e um fio de sangue.

- Seo…

De repente a rapariga abriu os olhos. Junsu recuou um passo, assustado com o olhar da rapariga.

- Es-estás bem… Seo?

- Tenho fome.

- Não pode ser…! – O moreno sussurrou para si mesmo.

~~

- Larga a Yoona! – Apontou para Sooyoung. - Yuri estou a avisar-te!

- Vais aceitar a minha proposta, gatinho?

- Mas que merda! Eu não aceito nada!

- Faz o que eu te disse Sooyoung!

A rapariga assim fez. Arrancou a blusa da rapariga e começou a arranhar-lhe o peito.

Taecyeon lançou-se na direcção das duas, tentando impedir a mais alta, mas Yuri colocou-se na sua frente, barrando-lhe o acesso!

- Sooyoung-ah, não faças isso! – Uma voz masculina fraca fez-se ouvir.

Sooyoung deteve-se ao ouvir aquele tom de voz. Olhou para baixo, de onde Junho a chamava.

- Não faças isso Sooyoung, por favor! Lembra-te de quem és!

A rapariga engoliu em seco.

~~

- Agora vais ficar aqui quietinho, sim? – Yuri anunciou enquanto acabava de atar pernas e braços do vampiro com uma corrente de prata.

- Pronto! Eu faço o que tu queres, mas deixa a Yoona em paz!

- Desculpa, mas já passamos a fase de negociações. Agora vai ser como eu quero!

~~

- Sooyoung, deixa a Yoona, por favor.

- Mas a Yuri disse que… - Ela ficou relutante. Uma parte de si não queria fazer aquilo, mas a outra parte dizia-lhe que devia obedecer à feiticeira.

- Esquece o que ela disse, tu não tens de fazer o que ela disse! Anda cá, por favor. – Junho pediu novamente.

- Mas eu tenho de arranjar um coração.

- Fica com o meu… mas deixa lá a Yoona.

Sooyoung assentiu por alguns momentos. Resolveu deixar a amiga e aproximou-se do rapaz.

- Soo-ah! Tu não és uma criatura como aquela bruxa. Não faças mal á Yoona. – O rapaz fez sinal a Yoona para que ela saísse dali. - Vamos embora daqui enquanto eles estão distraídos. – Apontou para Taecyeon e Yuri.

- Junho… eu… não posso fazer isso. A Yuri vai ficar zangada e…

Junho puxou a rapariga para si e colou os lábios aos dela.

~~

- Tira-me isto! – Taecyeon pediu. – Vá lá…

Yuri ficou tentada. Mas sabia que não podia confiar em Taecyeon.

- Eu solto-te, mas se tentas alguma gracinha, a tua querida humana já era.

O vampiro sorriu internamente.

A prata acabou por sair dos seus pulsos e tornozelos.

Assim que ficou livre, agarrou a bruxa e colou os lábios dela.

- Fizeste muito bem em roubar esse coração Yuri. Estás realmente muito bonita… - Sussurrou-lhe contra o pescoço.

- Tu achas?

- Acho… Perguntou-me o que farias sem ele…

- Não penses nisso! Concentra-te na minha beleza.

- E se ficasses sem ela? – Ele sorriu.

- O que é que queres dizer com iss-

Ela não conseguiu acabar a frase. Sentiu a sua blusa ser arrancada e as unhas dele contra o seu peito. A mão forte rasgou a pele e penetrou na caixa torácica.
Taecyeon retirou de lá o órgão vital.

- E agora Yuri?

O vampiro ficou a assistir à cena degradante. Ela voltou a envelhecer cerca de oitenta anos. E continuou e enrugar-se até perder o resto das forças e deixar-se apodrecer.

Taecyeon sorriu.

Voltou a desviar a sua atenção para a sala. Procurou Yoona mas nem sinal dela. Nada da outra rapariga que a segurava nem um dos rapazes morenos. Viu Seohyun sobre Junsu, no chão. Quando ela levantou a cabeça, viu a sua boca coberta da sangue. Um sorriso malicioso nos lábios.

~~

Os dois corriam pelo cemitérios. Mãos dadas. O rapaz tropeçou e caiu.

- Estás bem? – Sooyoung parou e ajoelhou-se ao seu lado.

- Sim. Estou cansado…

Ela reparou nas manchas negras no corpo do rapaz.

- Temos de sair daqui! Vem! – Ajudou-o a levantar-se.

- Espera! Sooyoung… eu preciso de te dizer uma coisa…

Sooyoung sorriu. Não deixou Junho falar. Aproximou-se dele e beijou-o.

- Depois tu falas. – Disse quando de afastou. – Agora vamos embora.

Recomeçaram a correr.

~~

Do outro lado do cemitério, um jovem rapaz estava ajoelhado em frente de uma das campas. Acabara de pousar um ramo de flores em frente da foto da sua noiva, que falecera há precisamente 2 anos atrás quando um barulho de alguém a correr o chamou à atenção.

Virou-se e viu uma rapariga a correr na sua direcção.

- Ajude-me! – Ela pediu.

- O que é que te aconteceu? O que é que uma rapariga como tu faz sozinha num cemitério a meio da noite?

- Ajude-me, por favor… ele vem atrás de mim!

- Mas ele quem?

- Por favor!! – Cada vez a rapariga chorava mais.

- Ok, vamos embora daqui… mas diz-me o teu nome.

- Yoona. – Ela respondeu trémula.

- Eu sou o Siwon. Choi Siwon.

O rapaz despiu o seu casaco e colou-o à volta dos ombros frágeis dela.

Yoona sorriu. Siwon sorriu de volta.

~~

- Com que então o Chansung transformou-te… - Taecyeon analisou a rapariga, contornando-a.

Seohyun sorriu.

- Mas ele não está aqui. Nem a Yoona.

Taecyeon pegou a recém vampira pelo braço. Puxou-a contra o seu corpo.

- Nem a Yuri… Só nós os dois.

- Para toda a eternidade.

FIM
__________
Sorry pelo fim meio sem sal...
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://chomintae.tumblr.com/
Nayomira
Pro Writer
Nayomira

Mensagens : 357
Data de inscrição : 06/09/2010
Idade : 29
Localização : Somewhere around..

[2PM & SNSD] Sign Empty
MensagemAssunto: Re: [2PM & SNSD] Sign   [2PM & SNSD] Sign EmptySab Nov 06, 2010 10:55 pm

ohhh nao ta sem sal! eu vou ter qe le-lo outra vez porqe a minha cabeça ta um cadu confusa right now, LOL, mas ta fixe!!!! me me gustou veryyyy much!!!!! parabens! =D=D
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://dbskportugal.forumeiros.com/portal.htm
LaLa
FanFiction Maniac
LaLa

Mensagens : 551
Data de inscrição : 26/06/2010
Idade : 25

[2PM & SNSD] Sign Empty
MensagemAssunto: Re: [2PM & SNSD] Sign   [2PM & SNSD] Sign EmptySab Nov 06, 2010 11:39 pm

Olha meio sem sal , até parece Marta-chan , até parece
Uhuhuhu Seo e Taecyeon para todo o sempre Cool
A Yuri ficou velinha catética
E a Sooyoung vai fazer de enfermeira para o Junho
Hihiihhi amei isto Marta , eu adoro a maneira como escreves e ... tens de escrever mais coisas destas sim ?^^
Voltar ao Topo Ir em baixo
PonHyunMin
Administradora
PonHyunMin

Mensagens : 954
Data de inscrição : 22/06/2010
Idade : 26
Localização : Paradise ^-^

[2PM & SNSD] Sign Empty
MensagemAssunto: Re: [2PM & SNSD] Sign   [2PM & SNSD] Sign EmptyDom Nov 07, 2010 1:01 pm

OMO, dois capítulos *-*
Sem sal? Nada disso Marta-chan! Está muito bom! ^^
Não acabou nada com eu estava à espera, o que é sempre bom Razz
Aish o meu Khunie morreu! *chora* E o meu Junsu *chora ainda mais* OMO E O CHAN! Ok, ele merecia u.ú
E foi bem feita para aquelas bruxas u.ú velhas estúpidas e feias u.ú *apanha*
Bem, ao menos uns escaparam...ainda bem ^^
E a Seo foi transformada...e agora fica com o Taec...
Pode ser que eles assim se sintam satisfeitos e não façam mal a mais ninguém xD

Nhai, gostei tanto disto *-*
Devisas escrever mais coisas assim unnie ^^

_________________
[2PM & SNSD] Sign 12479165812009071820311
Out of all these people, I chose you.
Voltar ao Topo Ir em baixo
https://fanfic-wonderland.forumeiros.com
kim
Moderadora Gráfica
kim

Mensagens : 737
Data de inscrição : 05/07/2010
Idade : 26
Localização : Coimbra (devia ser seoul -.-)

[2PM & SNSD] Sign Empty
MensagemAssunto: Re: [2PM & SNSD] Sign   [2PM & SNSD] Sign EmptySeg Nov 08, 2010 7:56 pm

omo, adorei o final imprevisivel! :O
E tudo morreee... T-T Só a yoona é que... ai siwon... Cool
Eu gostei bastante *-*
adorei o conceito! Tens que continuar a trabalhar neste estilo dark e a presentiar-nos com ideias originais Razz
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://twitter.com/kimurapd
Conteúdo patrocinado




[2PM & SNSD] Sign Empty
MensagemAssunto: Re: [2PM & SNSD] Sign   [2PM & SNSD] Sign Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
[2PM & SNSD] Sign
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
FanFictions Wonderland :: FanFictions :: Kpop :: FanFictions Acabadas-
Ir para: